• VB Creations

Participantes da Caravana percorrem o Túnel de Ezequias


Também conhecido como Túnel de Siloé, o Tunel de Ezequias é um aqueduto que foi escavado em uma rocha sólida, na cidade de Jerusalém, por volta de 701 a.C., durante o reinado de Ezequias.

Descrito por peritos como uma das grandes proezas de engenharia da antiguidade, o túnel conduzia o povo desde a Fonte de Giom até o tanque de Siloé e foi projetado para abastecer Jerusalém de água, durante um sítio organizado pelos assírios, como mostra os textos bíblicos abaixo.

2 Reis 20.20: "Ora, o restante dos atos de Ezequias, e todo o seu poder, e como fez a piscina e o aqueduto, e como fez vir a água para a cidade, porventura não estão escritos no livro das crônicas dos reis de Judá?".

2 Crônicas 32.2 a 4: "Quando Ezequias viu que Senaqueribe tinha vindo com o propósito de guerrear contra Jerusalém, teve conselho com os seus príncipes e os seus poderosos, para que se tapassem as fontes das águas que havia fora da cidade; e eles o ajudaram. Assim muito povo se ajuntou e tapou todas as fontes, como também o ribeiro que corria pelo meio da terra, dizendo: Por que viriam os reis da Assíria, e achariam tantas águas?"


Neste domingo (19), os participantes da Caravana Apostólica percorreram o túnel e puderam contemplar de perto essa incrível obra.


Acompanhe, a seguir, algumas imagens da travessia:

O trajeto terminou no tanque de Siloé, onde o Apóstolo Estevam Hernandes relembrou um dos milagres realizados por Jesus naquele região, como mostra o texto bíblico abaixo:


João 9.1 a 14: 1 Enquanto Jesus caminhava, viu um homem cego de nascença. E os seus discípulos perguntaram: — Mestre, quem pecou para que este homem nascesse cego? Ele ou os pais dele? Jesus respondeu: — Nem ele pecou, nem os pais dele; mas isso aconteceu para que nele se manifestem as obras de Deus. É necessário que façamos as obras daquele que me enviou enquanto é dia; a noite vem, quando ninguém pode trabalhar. Enquanto estou no mundo, sou a luz do mundo.


Depois de dizer isso, Jesus cuspiu na terra, fez lama com a saliva e com a lama untou os olhos do cego. Então disse ao cego: — Vá lavar-se no tanque de Siloé. Siloé quer dizer "Enviado". O cego foi, lavou-se e voltou vendo. Então os vizinhos e os que antes o conheciam de vista, como mendigo, perguntavam: — Não é este o que ficava sentado pedindo esmolas? Uns diziam: — É ele. Outros: — Não, mas se parece com ele. O homem dizia: — Sou eu. Então lhe perguntaram: — Como foram abertos os seus olhos? Ele respondeu: — O homem chamado Jesus fez lama, passou nos meus olhos e disse: "Vá ao tanque de Siloé e lave-se." Então fui, lavei-me e estou vendo.

Comprovação arqueológica


Em Jerusalém, durante uma expedição arqueológica feita em 1873, os pesquisadores encontrar escritas no túnel que comprovam os relatos bíblicos.


Tom Meyer, professor de estudos bíblicos e Teologia na Faculdade da Bíblia Shasta (EUA), afirmou que “é a única inscrição da antiguidade de Israel que comemora um programa de obras públicas e é um dos mais antigos exemplos de escrita em hebraico".

Embora o registro apresente danos irreparáveis, que dificultam o estudo e a análise, Meyer afirma que ele possui a descrição da obra e dos trabalhadores que escavaram o túnel, no qual se comemorava as atividades e feitos.

A inscrição se encontra no Museu de Arqueologia de Istambul, na Turquia, pois a área onde foi feita a descoberta na época, estava sob domínio do Império Otomano.



Redação

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo